Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Maio de 2019

ÁFRICA

A TERRA É A FONTE DE VIDA E DA MORTE

MUNDO

A POSSSE DA TERRA, A RECOLONIZAÇÃO SILENCIOSA QUE NÃO DIZ O NOME

ÁFRICA

O DILEMA DAS TERRAS EM ÁFRICA NA VIRAGEM DO MILÉNIO

MUNDO

INTERNET - O FIM DA DECISÃO E DA LIVRE ESCOLHA?

SUDÃO

A Revolução Sudanesa: a terceira será de vez?

ESTADOS UNIDOS

DONALD TRUMP, O FIM DOS IDEAIS AMERICANOS

ANGOLA

Angola - Novas Políticas Migratórias?

ÁFRICA

Basílica de YamoussoukroO “presente pessoal” de Boigny a Cristo!

Rádio

Publicidade

Desporto

Governo da Etiópia tenta descansar maratonista

| Editoria Desporto | 23/08/2016

-A / +A

Imprimir

-A / +A

Feyisa Lelisa conquistou a medalha de prata na maratona masculina dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.


DR

Foi este domingo, dia em que terminaram os Jogos Olímpicos de 2016, que o atleta etíope Feyisa Lilesa conquistou uma medalha de prata e cruzou a meta com os braços cruzados, um gesto que, referiu, poderia valer-lhe a vida.

Agora, fontes oficiais do governo da Etiópia asseguraram que o atleta estará seguro e que “nada deve temer quando voltar para casa”, garantido que Lilesa é considerado como “um herói”, conta a CNN.

Quando terminou a prova, Feyisa explicou que o sinal era de “apoio a todos os manifestantes” do seu país que foram mortos pelo governo.

“Queria mostrar que não estou de acordo com o que está a acontecer. Tenho amigos e familiares presos. O governo está a matar o meu povo, os Oromos, que não têm recursos”, explicou.

Já antes do comunicado do seu país, Feyisa contou ponderar a hipótese de ficar no Brasil ou de ir para o Quénia ou mesmo para os Estados Unidos.

Segundo a Amnistia Internacional, pelo menos cinco mil pessoas foram presas em Oromos devido às várias manifestações entre 2011 e 2014, contra o governo.

Redação com imagem

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade