Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Outubro de 2018

ANGOLA

PANORAMA DOS RECURSOS HUMANOS EM ANGOLA

ANGOLA

EM NOME DO CANUDO, A FABRICA DOS DIPLOMAS

ARGENTINA

Será justiça o que fazem com Kirchner?

ÁFRICA

RELGIÕES E SEITAS EM ÁFRICA, O NOVO ÓPIO DO POVO?

ÁFRICA

Condições do FMI na África atual

MUNDO

Odebrecht e Microsoft firmam acordo de cooperação científica e tecnológica

ÁFRICA

PAÍSES FALHADOS, OU ESTADOS FRÁGEIS, EIS A QUESTÃO NÃO SÓ AFRICANA

BRASIL

Entrevista Celso Marcondes - “O Brasil deve retomar sua política externa de integração”

Rádio

Publicidade

+ Angola

Feira Internacional de Benguela mostra resiliência dos empresários

| Editoria + Angola | 05/06/2017

-A / +A

Imprimir

-A / +A

Coincidindo com o 400º aniversário da cidade com o mesmo nome, comemorado no dia 17 do passado mês de maio, teve lugar, de 14 a 21, a 7ª edição da Feira Internacional de Benguela (FIB), que contou com a participação de mais de 100 empresas nacionais.


Embora nenhuma empresa estrangeira tenha participado, certamente devido à crise económica que Angola enfrenta atualmente, a participação de um número tão significativo de empresas locais foi considerada uma demonstração da “resiliência” dos empresários angolanos. “É preciso muita ousadia e teimosia”, disse o administrador municipal de Benguela, Leopoldo Muhongo, antes de sublinhar que “a FIB mostrou bem o compromisso da classe empresarial nacional de desenvolver o país e gerar cada vez mais empregos”.

A Feira Internacional de Benguela é realizada há sete anos pelo grupo Arena Eventos, com o apoio do governo da província. Nesta edição, o foco foram o agronegócio e a agroindústria. Outros setores representados na feira foram os da construção, banca, telecomunicações, pescas, eletromecânica, moda e prestação de serviços. O presidente do grupo Arena, Bruno Albernas, comentou: - “Este ano fizemos aquilo que nos foi possível fazer. Houve um esforço muito grande para poder tornar possível a realização da 7ª edição da FIB e, sem os patrocinadores e expositores, não seria possível fazer aquilo que foi feito”. Ele garantiu que o grupo vai continuar a trabalhar para que Benguela possa ser uma referência nacional, “um ponto de investimento importante para o país, de forma a captar negócios de empresários nacionais e estrangeiros”.

Além das mostras de produtos e serviços, a recente edição da Feira Internacional de Benguela contou ainda com uma série de atividades paralelas, como conferências e mesas redondas de negócios. Para Bruno Albernas, a FIB permite que os empresários tomem contacto com uma região que, para lá das suas conhecidas potencialidades agrícolas, piscatórias e turísticas, constitui “uma importante plataforma logística nacional e internacional, comprovada e suportada pelos Caminhos-de-Ferro de Benguela, do Porto do Lobito e do Aeroporto da Catumbela”. O grupo Arena Eventos já realizou este ano duas feiras empresariais e, até dezembro, vai realizar mais quatro.

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade