Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Julho de 2018

MUNDO

Agricultura: Os desafios do século XXI

MIANMAR

Rohingyas, vítimas da História e dos jogos de influência na Ásia

CHINA

A China e o futuro

ANGOLA

Novo Presidente, vida nova?

BRASIL

O país enfrenta 12 meses turbulentos

Rádio

Publicidade

Empresas

Ministério do Ambiente Lança Feira Internacional de Tecnologias Ambientais em Angola

| Editoria Empresas | 01/02/2018

-A / +A

Imprimir

-A / +A

Celebrando o Dia Nacional do ambiente, o Governo de Angola, através do Ministério do Ambiente em parceria com a Eventos Arena, realizaram no dia 31 de Janeiro do ano corrente, no Hotel Continental (largo baleizão), o Lançamento da 6ª Edição da Feira Internacional de Tecnologias Ambientais Angola 2018, agendado para os dias 5 e 8 de Junho  na Baía de Luanda. Sob o lema “Promover o crescimento verde em todos os sectores da economia”, o certame vai ser realizado numa área de cinco mil metros quadrados, onde prevê-se reunir cerca de 100 expositores e mais de oito mil visitantes.

Os interessados têm até quatro de Maio para efectuarem as suas inscrições. Segundo a explanação ministra, a feira vai promover a aplicação de tecnologias limpas e de boas práticas ambientais nos processos produtivos.

“Deixou uma nota aos em­presários, prestadores de serviço e empreendedores para terem  sempre presente o princípio da sustentabilidade para um futuro melhor, garantindo o crescimento dos negócios sem colocar em risco o equilíbrio dos ecossistemas”, recomendou a titular da pasta do Ambiente, para quem a realidade mostra que Angola é um país que pretende  desenvolver a industrialização, assumindo um papel relevante em relação à transformação de produtos de origem agro-pecuária e da indústria mineira.  
A ministra do Ambiente realçou que para o crescimento sustentável do país é “im­perioso” ter-se em conta três pilares fundamentais: o ecológico, o económi­co e o social. Aos empresários e empreendedores solicitou que apresentem projectos na 6ª edição da Feira Internacional de Tecnologias Ambientais, lembrando que o Executivo garante desenvolver programas e iniciativas que promovam a difusão das tecnologias ambientais em sectores público e privado, com vista o crescimento sustentável do país em sectores estratégicos.

Os convidados tiveram o privilégio de presenciar a Assinatura do protocolo de entendimento ente o Ministério do Ambiente e o Grupo Eventos Arena, que terá a incumbência realizar o acontecimento durante 5 anos.

Durante o evento, realizado no dia Nacional do Ambiental, foi rubricado um protocolo de entendimento entre o Ministério do Ambiente e a empresa Eventos Arena, para realizar o evento durante os próximos cinco anos.   

O administrador da E­ventos Arena, Manuel No­vais, honrado com o protocolo de entendimento entre ambos, considera a feira muito importante para o país, atendendo que a mesma vai fazer com que as em­presas se comprometam, cada vez mais, com as práticas ambientais.

Segundo ele, Angola melhor consideravelmente as questões ambientais, de forma individual para um processo colectivo  e acentuou que o objectivo principal do evento é promover o crescimento verde em todos os sectores de actividade.

 

 

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade