Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Outubro de 2018

ÁFRICA

ÁFRICA DE AMANHÃ - A grande aposta nas tecnologias de informação e comunicação

ANGOLA

Angola aposta em políticas públicas para maior inclusão digital

ANGOLA

Uma sucessão em dois actos

ESTADOS UNIDOS

Resistência na casa Branca contra Trump

ETIÓPIA

Etiópia: Abiy Ahmed, um primeiro-ministro chamado «revolução»

ÁFRICA DO SUL

África do Sul : O começo de uma segunda transição política

ÁFRICA

A revolução dos arquitetos africanos

EGITO

CAIRO, A CIDADE QUE MAIS CRESCE NO MUNDO

Rádio

Publicidade

Política

Tanzânia deixa Pacto Global

| Editoria Política | 12/02/2018

-A / +A

Imprimir

-A / +A

John Magufuli, Presidente da Tanzânia informou ao Alto-Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) a retirada do seu país do Pacto Global para os Refugiados. 

E suspendeu também, a concessão da cidadania a alguns refugiados do Burundi e que desencorajará novos pedidos de asilo.

 

De acordo com o jornal estatal da Tanzânia “Daily News”, Magufuli culpa a comunidade internacional por não ter desbloqueado os fundos prometidos para ajudar a Tanzânia a assegurar a integração de refugiados.


O Pacto Global para os Refugiados, visa a integração dos refugiados nas comunidades de acolhimento.

A ideia é que, quando os refugiados têm acesso à educação e ao direito de trabalhar legalmente, podem desenvolver as suas competências.

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade