Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Março de 2019

MÉDIO ORIENTE

Nas areias movediças do Médio Oriente

ÁFRICA

Drogas em África As novas rotas do tráfico de heroína

ÁFRICA

A África a mercê de um Triângulo Voraz

ÁFRICA

África Oriental O regresso ao grande investimento nos Caminho-de-ferro

MUNDO

RefugiadosAs cifras da vergonha!

ÁFRICA

Estaca da África em Brexit

MUNDO

Racistas ou nem por isso?

EGITO

O futuro do Egipto passa pela energia solar

Rádio

Publicidade

Cultura

Escola Portuguesa de Luanda acolhe exposição Individual de Fernando Vinha

| Editoria Cultura | 13/04/2018

-A / +A

Imprimir

-A / +A

A Escola Portuguesa de Luanda (EPL) realiza na segunda-feira, dia 16 de Abril, a partir das 15:00, no seu auditório localizado na Rua N´Gola M´Bandi, R/C – Luanda; a Exposição Individual de Fernando Vinha, intitulada “ O Homem Esse Desconhecido. Esta nova exposição ficará patente na ´EPL´ até dia 20 de Abril.

Fernando Vinha, explica que o título "O Homem Esse Desconhecidoé o título atribuído por Alexis Carrel (1873-1944), Biólogo Francês, a uma das suas obras, referindo-se sempre ao incompleto estudo do corpo humano. O mesmo título dado a esta exposição refere-se exclusivamente ao espírito humano. “Neste sentido poder-se-á dizer que cada homem tem duas personalidades: a pessoal, a verdadeira, e a social, raramente coincidente com a verdadeira, a que todos estamos submetidos independentemente da vontade de cada um.”

Em 1999 realizou a exposição individual de técnicas mistas e esculturas, denominada “O Homem e o Universo”, no Centro Camões, Luanda. Participou em várias edições da ´Coopearte´, na Galeria Celamar - 7ª (2010); 8ª (2011); 9ª (2012); e 10ª (2013). Em 2017 realizou a exposição individual também de técnicas mistas e esculturas, denominada ““Big Bang” ou “ Deambulações a Procura da Verdade Oculta na Origem”, no Espaço Luanda Arte.

Licenciado em Artes Plásticas (Escultura) pela Faculdade de Belas-Artes da Universidade do Porto (antiga ESBAP), Portugal. Foi docente durante 44 anos sem interrupção, dos quais 29 anos na ´EPL - Escola Portuguesa de Luanda, Angola. Herdou a vocação de seu Pai, extraordinário desenhador técnico, pintor, entalhador e carpinteiro de moldes.

 

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade