Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Novembro de 2018

ESTADOS UNIDOS

ESTADOS UNIDOS DEMOCRATAS RECUPERAM CÂMARA DOS REPRESENTANTES

COMORES

FRACASSO DA REBELIÃO NA ILHA DE ANJOUAN

CONGO RD

DESTAQUE RD CONGO

AFEGANISTÃO

O DILEMA AMERICANO DA RETIRADA SEM GLÓRIA

NOVA CALEDÓNIA

A colonização em questão na Nova Caledónia

ANGOLA

PANORAMA DOS RECURSOS HUMANOS EM ANGOLA

ANGOLA

EM NOME DO CANUDO, A FABRICA DOS DIPLOMAS

ARGENTINA

Será justiça o que fazem com Kirchner?

Rádio

Publicidade

Sociedade

Supremo Tribunal da África do Sul autoriza consumo de maconha

| Editoria Sociedade | 20/09/2018

-A / +A

Imprimir

-A / +A

O Supremo Tribunal da África do Sul declarou na terça-feira, 18, a anulação da lei que proíbe o consumo privado de maconha, assim como seu cultivo para uso pessoal, uma decisão histórica anunciada em Joanesburgo.

“A lei que proíbe o uso de maconha no lar “ é inconstitucional e portanto nula”, afirmou o juiz Raymond Zondo em seu parecer, segundo informou o jornal sul-africano The Raymond Zondo. “ Já não será crime um adulto consumir ou ter maconha em casa para uso pessoal”, acrescentou o magistrado.

No entanto, o consumo em espaço público continua estritamente proibido, assim como a venda com fins lucrativos a terceiros.

O tribunal determinou ao Parlamento que elabore uma nova lei em um prazo de dois anos.

Vários departamentos governamentais, incluindo o ministério da justiça e da saúde, alertaram para os efeitos negativos do consumo. Por outro lado, Curandeiros tradicionais e membros do movimento Rastafari aplaudiram a decisão do Supremo Tribunal.

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade