Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Novembro de 2018

ESTADOS UNIDOS

ESTADOS UNIDOS DEMOCRATAS RECUPERAM CÂMARA DOS REPRESENTANTES

COMORES

FRACASSO DA REBELIÃO NA ILHA DE ANJOUAN

CONGO RD

DESTAQUE RD CONGO

AFEGANISTÃO

O DILEMA AMERICANO DA RETIRADA SEM GLÓRIA

NOVA CALEDÓNIA

A colonização em questão na Nova Caledónia

ANGOLA

PANORAMA DOS RECURSOS HUMANOS EM ANGOLA

ANGOLA

EM NOME DO CANUDO, A FABRICA DOS DIPLOMAS

ARGENTINA

Será justiça o que fazem com Kirchner?

Rádio

Publicidade

Economia

Mil milhões de euros para PME africanas

| Editoria Economia | 19/11/2018

-A / +A

Imprimir

-A / +A

As Pequenas e Médias Empresas (PME) europeias no continente africano deverão beneficiar de um fundo de mil milhões de euros, informou em Berlim a chanceler Alemã, Angela Merkel, durante a cimeira de investimento “G20 Compact with África” (CwA), explicou que o maior objectivo deste financiamento é o de firmar um relacionamento rentável entre os dois continentes e considerou que é uma iniciativa que pretende promover o investimento privado no continente berço.

Esses fundos servirão para conceder empréstimos e capital às PME europeias que queiram investir em África e capital próprio às PME africanas. A direcção do fundo constituirá uma rede de aconselhamento para potenciais investidores.

A CwA surgiu durante a presidência alemã do G20, em 2017, e reúne dirigentes da África do Sul, Etiópia, Egipto, Benim, Costa de Marfim, Gana, Marrocos, Ruanda, Senegal, Guiné, Togo e Tunísia, bem como vários empresários alemãs e conta também com as participações das empresas alemãs Siemens e Volkswagen, que já têm parcerias em alguns países africanos.

O presidente da comissão executiva [CEO em inglês] da Siemens, Joseph Kaiser, afirmou que a construção no Egípto de três centrais eléctricas da multinacional alemã está a decorrer de forma rápida. Também a Volkswagen tem aumentado a presença no continente africano tendo anunciado, no final de Agosto do ano em curso, a assinatura de memorandos de entendimento com os governos do Gana e da Nigéria para a construção de fábricas de automóveis nos dois países.

 

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade