Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Março de 2019

MÉDIO ORIENTE

Nas areias movediças do Médio Oriente

ÁFRICA

Drogas em África As novas rotas do tráfico de heroína

ÁFRICA

A África a mercê de um Triângulo Voraz

ÁFRICA

África Oriental O regresso ao grande investimento nos Caminho-de-ferro

MUNDO

RefugiadosAs cifras da vergonha!

ÁFRICA

Estaca da África em Brexit

MUNDO

Racistas ou nem por isso?

EGITO

O futuro do Egipto passa pela energia solar

Rádio

Publicidade

Banco Económico expõe árvore de natal ecológica

| Editoria | 14/12/2018

-A / +A

Imprimir

-A / +A

Com o objectivo de sensibilizar os colaboradores e a sociedade, para a importância da reciclagem e para a adopção de hábitos de consumo mais sustentáveis, o Banco Económico construiu uma árvore de natal, de cerca de seis metros de altura, com mais de 700 garrafas de plástico usadas, recolhidas entre os trabalhadores do banco.

A árvore de natal gigante, inteiramente produzida com garrafas de plástico, vai ficar patente na fachada principal do edifício sede do banco até 6 de Janeiro.A decoração da árvore integra diversas bolas, cada uma com uma palavra que remete para os principais conceitos desta quadra. Para além disso, ao longo de duas semanas a árvore de natal do Banco Económico vai ser o ponto de encontro de diversas apresentações musicais, com destacam para o show case do cantor Miguel Buila e interpretações de gruposcorais a entoarem canções de Natal, numa partilha do espírito natalício com a sociedade de Luanda.

Segundo a responsável pela Direcção de responsabilidade social do Banco, Katyana Mil-Homens, o banco tem vindo a desenvolver a sua estratégia de responsabilidade social com o objectivo de facultar o seu contributo, em termos de cidadania corporativa, para ajudar à resolução dos principais problemas da sociedade.

“A sustentabilidade ambiental é um dos maiores desafios da actualidade, em termos globais. Com esta iniciativa, o Banco Económico pretende sensibilizar os seus colaboradores, e a sociedade angolana, para a preservação ambiental e para importância dos princípios básicos de reciclagem de resíduos. Este é um aspecto fundamental para a promoção da Economia Circular e para potenciar o desenvolvimento económico do País. Garantir um futuro mais sustentável passa, também, por promover um natal mais sustentável", disse Katyana Mil-Homens.

O Natal é uma das celebrações mais especiais do ano. A par das festividades da época ocorre também um pico de consumo, que gera resíduos adicionais e um consequente aumento do impacto ambiental. Este ano, o Banco Económico propõe um natal mais ecológico e a revisitação dos verdadeiros conceitos desta quadra, que são imateriais e apelam aos valores essenciais da humanidade.

O Banco Económico desenvolve a sua estratégia de responsabilidade social através da realização de programas e acções nas áreas do ambiente, saúde, cultura, artes, educação e desporto.

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade