Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Agosto de 2019

ÁFRICA

EXPLOSÃO DEMOGRÁFICA EM ÁFRICA, UMA BOMBA AO RETARDADOR

ÁFRICA

O PARADIGMA PARTICULAR DA DEMOGRAFIA VERSUS DESENVOLVIMENTO

ANGOLA

EXPLOSÃO DEMOGRÁFICA UMA BOMBA DE EFEITO RETARDADO

EUROPA

O PESADELO DEMOGRÁFICO QUE ASSOMBRA A EUROPA

MOÇAMBIQUE

POR ALGUNS DÓLARES MAIS

MUNDO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS PODEM ENGENDRAR “APARTHEID GLOBAL”

VENEZUELA

O CAPCIOSO RELATÓRIO BACHELET

ÁFRICA

RUMO A UMA ÁFRICA INTEGRADA E PRÓSPERA

Rádio

Publicidade

Saúde

Soube para 465 número de mortes por contágio de vírus de ébola na RDC

| Editoria Saúde | 01/02/2019

-A / +A

Imprimir

-A / +A

O número de mortos por contágio do vírus ébola na República Democrática do Congo aumentou para 465 até quarta-feira, mas mais de 250 pessoas infectadas foram dadas como curadas, informou hoje, 1 de Fevereiro o ministério da saúde congolês.

As localidades com maior mortalidade devido ao contágio do ébola são Beni (146 mortos), Mabalako (104) e Kalunguta (34), todas situadas na província de Kivu Norte. Nestas localidades da província de Kivu Norte, o grupo armado Forças Democráticas Aliadas (ADF, na sigla em inglês) tem multiplicado os ataques contra civis, o que complica a resposta sanitária.

Em comunicado, o ministério da saúde da RDC revelou que 252 pessoas foram dadas como curadas e que 69.827 congoleses foram vacinadas desde 8 d agosto do ano passado.

É a primeira vez que uma epidemia de Ébola é declarada numa zona de conflito, onde existe outros grupos armados, o que leva à deslocação contínua de centenas de milhares de pessoas que podem ter estado em contato com o vírus.

Esta epidemia de Ébola, que se transmite por contacto físico através de fluidos corporais infetados e que provoca febre hemorrágica, foi constatada em Mangina, na província de Kivu Norte.

O Governo da RDC admitiu que a epidemia de Ébola é já a maior da história do país relativamente ao número de contágios. A RDC foi atingida nove vezes pelo Ébola, depois da primeira aparição do vírus naquele país africano, em 1976.

Em 1995, o vírus do Ébola provocou a morte a 250 pessoas na cidade de Kikwit, na província de Kwilu, no sudoeste da RDC.

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade