Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Fevereiro de 2019

ÁFRICA

ELEIÇÕES E DEMOCRACIA EM ÁFRICA A CONTROVÉRSIA SOBRE UM MODELO QUE SE IMPÕE

ÁFRICA

Calendário das Eleições em África 2019

ÁFRICA

O REFINAMENTO DOS REGIMES AUTORITÁRIOS NÃO É SÓ COISA DE AFRICANOS

CONGO RD

AS ELEIÇÕES NA RD CONGO AS PRECIOSAS LIÇÕES QUE A RD CONGO APRENDEU COM A CÔTE D’IVOIRE

ÁFRICA

A África é segunda no ranking mundial da desflorestação

EGITO

África quer tornar comércio intra-africano uma marca

ÁFRICA

«Guerra contra o terrorismo islâmico em Africa»: Anatomia de um fracasso

MUNDO

BALANÇO 2018 PERSPECTIVAS 2019 PASSAGEM DO ANO ENTRE DEGRADAÇÃO ECOLÓGICA, MIGRAÇÕES E SUBIDA DA DIREITA AUTORITÁRIA

Rádio

Publicidade

Economia

BAD e CEDEAO assinam acordo sobre projecto da estrada Abidjan-Lagos

| Editoria Economia | 07/02/2019

-A / +A

Imprimir

-A / +A

O Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) e a Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) acabam de assinar, em Abuja (Nigéria),  um acordo para a realização do estudo técnico do projecto da rodovia para conectar Lagos e Abidjan, a capital económica ivoiriense.

De acordo com um comunicado oficial, o custo total da realização deste estudo é de 22,7 milhões de dólares americanos e o BAD aprovou um financiamento de 12,6 milhões de dólares e mobilizou 9,1 milhões de dólares de doação da Comissão da União Europeia (UE).

O director principal do gabinete do BAD na Nigéria, Ebrima Faal, sublinhou que a sua instituição continua totalmente empenhada na implementação da Visão 2020 da CEDEAO, trabalhando em estreita colaboração com os sectores público e privado para explorar novas oportunidades de crescimento para a África.

O projecto da rodovia, conhecido como Corredor Abidjan-Lagos, será marcado por uma rodovia de mil quilómetros, devendo atravessar as cidades de Cotonou, Benim, Lomé, Togo e Accra, no Ghana.

O objectivo deste projecto é facilitar o comércio transfronteiriço e integrar as economias de crescimento rápido dos países interconectados no seio desta comunidade económica regional.

A cerimónia de assinatura do acordo foi assistida pelo presidente da Comissão da CEDEAO, Jean-Claude Brou, pelo ministro nigeriano da Energia, Obras Públicas e Habitação, Babatunde Raji Fashola, e pelo chefe da Cooperação da UE na Nigéria, Kurt Cornelis.  

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade