Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Maio de 2019

ÁFRICA

A TERRA É A FONTE DE VIDA E DA MORTE

MUNDO

A POSSSE DA TERRA, A RECOLONIZAÇÃO SILENCIOSA QUE NÃO DIZ O NOME

ÁFRICA

O DILEMA DAS TERRAS EM ÁFRICA NA VIRAGEM DO MILÉNIO

MUNDO

INTERNET - O FIM DA DECISÃO E DA LIVRE ESCOLHA?

SUDÃO

A Revolução Sudanesa: a terceira será de vez?

ESTADOS UNIDOS

DONALD TRUMP, O FIM DOS IDEAIS AMERICANOS

ANGOLA

Angola - Novas Políticas Migratórias?

ÁFRICA

Basílica de YamoussoukroO “presente pessoal” de Boigny a Cristo!

Rádio

Publicidade

Cultura

Países muçulmanos iniciam mês sagrado do Ramadão

| Editoria Cultura | 06/05/2019

-A / +A

Imprimir

-A / +A

Vários países árabes e muçulmanos iniciam esta segunda-feira, 6, o mês sagrado e de jejum do Ramadão.

Trata-se de países como a Arábia Saudita, Qatar, Kuwait, Iémen, Iraque, Líbano e a Líbia, para os quais o domingo foi o último dia do mês de Chaâbane, depois de ter constatado a ausência do crescente lunar, sábado à noite.

Os Emirados Árabes Unidos e o Bahrein, que também constataram a ausência do crescente lunar sábado à noite, prometeram reunir-se este domingo para decidir sobre o início do Ramadão.

Por seu turno, o Egipto, Sudão, Palestina, Marrocos, Tunísia, Argélia e a Mauritânia vão escrutar o crescente lunar este domingo, considerando sábado como o 28º dia de Chaâbane.

O gabinete do Mufti da Tunísia anunciou ser possível observar domingo o crescente lunar, em vários países árabes e muçulmanos como a Tunísia.

O número de horas do jejum é diferente em vários países árabes e muçulmanos, com uma média de 15 horas, sendo o período  mais longo (16 horas e 24 minutos) detido pela Argélia, seguido do Líbano, Tunísia, Marrocos e Iraque.

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade