Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Junho de 2019

ANGOLA

Situação Económica de Angola

ANGOLA

Informação e Percepção da Economia Angolana

ANGOLA

Recordar o passado para encontrar soluções

ÁFRICA

FATALIDADES E ESPERANÇAS DA ECONOMIA AFRICANA

AFEGANISTÃO

LISTA NEGRA DOS SOLDADOS DO PROFETA

ANGOLA

OS DESAFIOS PARA AS ELEIÇÕES DE 2022

ÁFRICA

ADAPTAR OS EXÉRCITOS AFRICANOS AOS NOVOS INIMIGOS

ANGOLA

MPLA - O CONGRESSO DO REJUVENESCIMENTO

Rádio

Publicidade

Sociedade

Angola: Polícia Nacional defende "lei específica" para criminalizar tráfico de seres humanos

| Editoria Sociedade | 26/06/2019

-A / +A

Imprimir

-A / +A

A polícia Nacional defendeu na terça-feira,25, a aprovação de uma "lei específica" para criminalizar o tráfico de seres humanos que tem aumentado significativamente nas províncias de Luanda, Cunene, Lunda Norte e Zaire.

"Tendo em conta a sua pertinência e a preocupação que esse fenómeno apresenta, entendo que deveria ser concebida uma legislação específica que tratasse, especialmente, desse tipo de crime", disse o director nacional adjunto do gabinete jurídico do Comando Geral da Polícia, Osvaldo Moco.

De acordo com o director nacional adjunto do gabinete jurídico do Comando Geral da Polícia, a legislação vigente no país nesse domínio "deve ser aprimorada e aperfeiçoada por se enquadrar no conjunto de normas que preveem outros actos criminais".

A polícia nacional adiantou que desempenhará o seu papel contribuindo com ideias para uma lei específica que trate a questão do tráfico de seres humanos no país.

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade