Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Junho de 2019

ANGOLA

Situação Económica de Angola

ANGOLA

Informação e Percepção da Economia Angolana

ANGOLA

Recordar o passado para encontrar soluções

ÁFRICA

FATALIDADES E ESPERANÇAS DA ECONOMIA AFRICANA

AFEGANISTÃO

LISTA NEGRA DOS SOLDADOS DO PROFETA

ANGOLA

OS DESAFIOS PARA AS ELEIÇÕES DE 2022

ÁFRICA

ADAPTAR OS EXÉRCITOS AFRICANOS AOS NOVOS INIMIGOS

ANGOLA

MPLA - O CONGRESSO DO REJUVENESCIMENTO

Rádio

Publicidade

Política

Etiópia: primeiro-ministro envia 50 mil trabalhadores para os Emirados Árabes Unidos

| Editoria Política | 09/07/2019

-A / +A

Imprimir

-A / +A

O primeiro-ministro etíope, Ahmed Abiy anunciou na segunda-feira (8) que vai enviar 50.000 trabalhadores para os Emirados Árabes Unidos como parte de um programa para modernizar o trabalho naEtiópiadurante o ano fiscal de 2019-2020.

"A Etiópia está planeando medidas a curto-prazo para reduzir o desemprego no país ", disse o primeiro-ministro durante um discurso no Parlamento. "Uma dessas medidas a curto-prazo é enviar uma força de trabalho qualificada para os países estrangeiros”, acrescentou.

O primeiro-ministro informou que um acordo foi assinado entre os dois países sobre o envio dos 50.000 trabalhadores para os EAU e que as discussões estão em andamento para o envio total de mais 200.000 trabalhadores nos próximos três anos.

Os trabalhadores enviados ganharão melhores salários e receberão formação em vários sectores como o da condução e enfermagem, referiu oprimeiro-ministro etíope que tem procurado investimento externo desde que assumiu o cargo em 2018.

Ahmed Abiy explicou que negociações semelhantes estão a ser debatidas com o Japão e com os países europeus.

"Quando a economia etíope mudar, será apoiada por jovens trabalhadores que foram qualificados no estrangeiro".

Os Emirados Árabes Unidos e Arábia Saudita têm-se esforçado em manter uma relação mais aproximada com a Etiópia. Em 2018 os EAU e a Arábia Saudita desempenharam um importante papel de mediação no acordo de paz entre a Etiópia e a Eritreia.

 

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade