Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Agosto de 2019

ÁFRICA

EXPLOSÃO DEMOGRÁFICA EM ÁFRICA, UMA BOMBA AO RETARDADOR

ÁFRICA

O PARADIGMA PARTICULAR DA DEMOGRAFIA VERSUS DESENVOLVIMENTO

ANGOLA

EXPLOSÃO DEMOGRÁFICA UMA BOMBA DE EFEITO RETARDADO

EUROPA

O PESADELO DEMOGRÁFICO QUE ASSOMBRA A EUROPA

MOÇAMBIQUE

POR ALGUNS DÓLARES MAIS

MUNDO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS PODEM ENGENDRAR “APARTHEID GLOBAL”

VENEZUELA

O CAPCIOSO RELATÓRIO BACHELET

ÁFRICA

RUMO A UMA ÁFRICA INTEGRADA E PRÓSPERA

Sociedade

ONU condena "terrível massacre" no nordeste da Nigéria

| Editoria Sociedade | 30/07/2019

-A / +A

Imprimir

-A / +A

O Secretário-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, condenou o assassinato de 65 pessoas por supostas terroristas da seita Boko Haram, no nordeste da Nigéria.

Guterres pediu, num comunicado, o fim destes ataques e reafirmou que os mesmos constituem graves ameaças à segurança de pessoas e  violações do direito internacional humanitário.

À sua semelhança, o alto comissário das Nações Unidas para os Refugiados, Filippo Grandi, descreveu, num tweet, como um “terrível massacre”.

Escreveu que “a insegurança continua a destruir a vida dos civis na província com mais de dois milhões de refugiados e pessoas deslocadas”.

Segundo informações dadas pela imprensa, homens armados dispararam durante um funeral que decorria numa aldeia situada perto de Maiduguri, no norte do país, matando no local mais de 60 pessoas.

Vários membros de grupos, como Boko Haram, contribuíram para a crise humanitária prevalecente, há uma década em Borno.

Civis pagam caro numa insurreição que já causou deslocamentos forçados e violações em massa dos direitos humanos.

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade