Publicidade

Publicidade

Publicidade

África 21 OnlineÁfrica 21 Online

Registre-se na nossa newsletter e mantenha-se informado.
África 21 no Facebook

África 21 Online

Pesquisa

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook

Edição Impressa

Edição do Mês

Destaques da edição de Agosto de 2019

ÁFRICA

EXPLOSÃO DEMOGRÁFICA EM ÁFRICA, UMA BOMBA AO RETARDADOR

ÁFRICA

O PARADIGMA PARTICULAR DA DEMOGRAFIA VERSUS DESENVOLVIMENTO

ANGOLA

EXPLOSÃO DEMOGRÁFICA UMA BOMBA DE EFEITO RETARDADO

EUROPA

O PESADELO DEMOGRÁFICO QUE ASSOMBRA A EUROPA

MOÇAMBIQUE

POR ALGUNS DÓLARES MAIS

MUNDO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS PODEM ENGENDRAR “APARTHEID GLOBAL”

VENEZUELA

O CAPCIOSO RELATÓRIO BACHELET

ÁFRICA

RUMO A UMA ÁFRICA INTEGRADA E PRÓSPERA

Economia

Etiópia pretende aumentar receitas de exportação de minerais

| Editoria Economia | 13/08/2019

-A / +A

Imprimir

-A / +A

O Ministério das Minas e Petróleo da Etiópia anunciou na segunda-feira, 12, que pretende aumentar as receitas de exportação de minerais nos próximos meses, medida que vai gerar receitas superiores às do ano fiscal encerrado em Julho passado.

Durante o período orçamental de 2018, encerrado a 7 de Julho, a Etiópia obteve cerca de 49 milhões de dólares no comércio dessas substâncias inorgânicas, um valor muito abaixo do potencial dos depósitos em operação, divulgou a agência Prensa Latina.

A aspiração do Ministério das Minas e Petróleo, para o período 2019-2020, é alcançar pelo menos 265 milhões de dólares para o mesmo conceito, apoiada por estratégias e procedimentos viáveis, após a implementação das reformas no sector.

Na Etiópia, a mineração artesanalempregou mais de 179 mil pessoas, mas a entrada em vigor de novas políticas ajudará a elevar o interesse dos investidores e, consequentemente, gerar mais empregos, com melhores condições, refere umcomunicado.

O comunicado informa igualmente que no ano fiscal anterior, o Ministério emitiu licenças de exploração e produção para 24 projectos de investimento, com um capital combinado de quatro mil 950 milhões de birr (cerca de 174 milhões de dólares).

“Concedemos cinco autorizações de produção e 19 licenças aos interessados em realizar pesquisas, cujo impacto no sector e na economia nacional pode ser melhor apreciado a partir de agora, explicou o Ministério das Minas e Petróleo.

 

 

Imprimir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Siga o portal África 21

Feed RSS Twitter Facebook
África 21 Online

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade